Competitividade nas organizações é importante?

A competitividade por muito tempo teve um significado negativo, mas você sabia que uma competitividade saudável pode ser muito benéfica? O empresário Márcio Alaor de Araujo vai explicar como uma competição pode ter o potencial de desenvolver ideias inovadoras e explorar o conhecimento das pessoas. Confira:

Como a competitividade pode ser positiva?

A competitividade no mundo dos negócios vai acontecer quando as empresas competem entre si por mercado, clientes, espaço, etc. Para estar à frente da concorrência, existe uma motivação que impulsiona todos a melhorarem continuamente. Os clientes também ganham com isso, visto que recebem produtos e serviços cada vez mais aprimorados.

Isso se dá através da implementação de serviços tecnológicos para desenvolver produtos cada vez melhores. Márcio Alaor de Araujo também aponta a contratação de profissionais qualificados, as pesquisas para conhecer seu público, entre muitas outras ações que visam proporcionar uma ótima experiência para o cliente.

Por que é importante para as empresas?

A competitividade faz com que haja a fidelização dos consumidores e auxilia no desenvolvimento de todo um ecossistema. Se uma marca promove um serviço de alto padrão, as outras marcas logo trabalharão para se adequar na “barra de exigências”, as empresas se veem na obrigação de alcançar um patamar mais alto.

As empresas precisam constantemente ficar buscando alternativas para superar suas concorrentes, afirma Márcio Alaor de Araujo. Esse processo vai contribuir com a criação de uma marca cada vez mais durável e sustentável, assim, os consumidores tenderão a optar pela sua marca em detrimento das demais.

Como colocar em prática essa competitividade positiva?

Márcio Alaor de Araujo afirma que o primeiro passo é que a empresa possua uma proposta bem definida de valores. Também é necessária a construção de fluxos de trabalho mais otimizados, de modo a manter o consumidor no centro de tudo. Aproveite a competitividade para arriscar-se dentro dos limites de segurança. Veja a competitividade como um fator motivador.

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Compartilhe

spot_img

Ultimas notícias